Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Always in Fashion

• Por Anna Williams & Jules Emerson •

Always in Fashion

• Por Anna Williams & Jules Emerson •

10 Filmes para ver nos teus 20's

Os 20's são uma época atribulada, desafiante, devastadora e, por vezes, dura.

É uma época caracterizada por inúmeras mudanças - terminaste o 12º ano, foste para a faculdade (ou não), começaste no teu primeiro emprego. De repente, não é apenas responsabilidade, mas também teu dever de fazer algo para e por ti.

Sei que há dias que parece que o mundo está a esmagar-te, que não tens para onde ir, mas tu não estás sozinho/a. Tira tempo para ti.

Esta curta seleção de filmes debate diferentes e inspiradores temas que (esperemos) te colocarem as ideias em ordem. Eis alguns dos nossos favoritos:

 

 

  • Silver Linings Playbook (2012) 

Resultado de imagem para silver linings playbook

Com Jennifer Lawrence e Bradley Cooper, Silver Linings Playbook segue a história de Pat, após a sua saída do sanatório, regressa a casa dos pais para refazer a sua vida. Tudo fica mais desafiante quando conhece Tiffany, uma viúva misteriosa, cheia de problemas também. Venceu 1 óscar.

 

 

  • The Devil Wears Prada (2006)

Resultado de imagem para devil wears prada

Inteligente, mas sensível, Andy, com faculdade terminada, aceita um trabalho como assistente de Miranda, a editora-chefe de uma revista de moda. Cliché. No final, permanece uma boa questão sobre que sacrifícios estás disposto a fazer para teres sucesso. Com as fantásticas: Anne Hathaway, Meryl Streep e Emily Blunt.

 

 

  • Reality Bites (1994)

Resultado de imagem para reality bites movie

Espécie de documentário, retrata a  vida de um grupo de jovens, enquanto procuram trabalho e amor em Houston. Conheci uma pessoa que descrevia este filme como "O melhor para os 20's que ainda não têm a mínima ideia do que querem fazer das suas vidas."

 

 

  • The Graduate (1967)

Resultado de imagem para the graduate

Um clássico. Dos filmes mais populares de sempre. Ben terminou a faculdade. Está desiludido e tem 21 anos. Vê-se envolvido num triângulo amoroso com uma mulher mais velha e a sua filha. Venceu 1 óscar.

 

 

  • Dead Poets Society (1989)

Resultado de imagem para dead poets society

Com Robin Williams, no papel principal. A chegada de um professor de inglês que inspira os seus estudantes a olhar a poesia de uma maneira diferente, com conhecimento autentico e sentimento. Venceu 1 óscar.

 

 

  • Ordinary People (1980)

Resultado de imagem para ordinary peoples movie

Retrata a história de uma família e seus problema após a morte de um dos seus filhos, num acidente de barco. Entre muitas nomeações, venceu 4 óscares.

 

 

  • Almost Famous (2000)

Resultado de imagem para almost famous

A história de um jovem jornalista que acompanha uma banda de rock pela sua primeira tour nos Estados Unidos, reportando os acontecimentos à Rolling Stone, nos anos 70. A viagem de uma vida! Venceu 1 óscar.

 

 

  • Into the Wild (2007)

Resultado de imagem para into the wild

Muito influenciável. Baseado no livro e história verídica de Christopher McCandless que segue uma viagem inspiradora por Alaska, procurando-se a si mesmo. Durante o caminho, encontra várias pessoas que moldam a sua vida. Para sempre.

 

 

  • Fight Club (1999)

Resultado de imagem para fight club

Um simples trabalhador de escritório, procura uma maneira de mudar a sua vida, cruzando caminho com algo parecido com o diabo, formando um clube de luta subterrâneo que evoluiu para algo muito maior. Brad Pitt, é o principal.

 

 

  • (500) Days of Summer (2009)

Resultado de imagem para days of summer

Sobre amor. A história de uma jovem que não acredita no verdadeiro amor e de um jovem que se apaixona por ela. Dos melhores guiões de comédia-romântica que apareceu nos últimos anos. Abrange as complexidades, a dor e mal-entendidos das relações e, essencialmente a "Expetativa" vs "Realidade".

 

 

E aqui temos o TOP de filmes para os 20's!

Estamos curiosas para saber o que acharam do post! Que filmes ainda não viram?

E quais foram os que mais gostaram? 🎬 

 

 

 

Um beijinho,

Jules Emerson e Anna Williams.

Como gostar de estar solteira

Vivemos no mundo dos casais.

À medida que vais crescendo, estar solteira, tornar-se-á algo que te separa das outras pessoas. As aplicações e websites que encontram a nossa "cara metade" são ás dezenas e parece que nos gritam "por que é que ainda estás solteira?", tal como os nossos familiares e conhecidos. Bom, há inúmeras respostas! Porém, o mais importante, é a tua felicidade.

 

Se estás a passar um mau bocado ou a sofrer alguma pressão, pelo facto de estares solteira, pega nestes conselhos e aproveita a vida sem uma alma gémea. 

 

1. Descobre quem és.

Aprecia o teu tempo sozinho/a para perceber exatamente o tipo de pessoa és e o que te faz tu tu. Explora as diferentes e complexas partes da tua personalidade sem te preocupares com julgamentos. Acredita, isto não acontece de uma noite para outra. Experimenta coisas diferentes. Aprende o máximo que puderes, seja na escola ou profissionalmente. Corre riscos, grandes ou pequenos, e força-te a sair da tua zona de conforto. 

 

Resultado de imagem

 

2. Diverte-te.

Crítico, eu sei. Afogar as mágoas não costuma ajudar muito. Em vez de sentires pena de ti próprio, deves aproveitar para tirar o maior partido de estar solteiro e divertir-te o máximo que puderes. Viaja inesperadamente, mima-te, e comete erros. Quem sabe senão está para breve tornar-se "nós" em de vez de "eu"?

 

3. Comunica com os teus amigos.

Parece que as relação platónicas têm tendência para se desenvolver quando não estás numa relação. Portanto, conhece pessoas novas, reúne velhos amigos, junta as tuas raparigas, o teu squad, sempre que possível, para um almoço ou uma festa de pijama cheia de filmes pela noite dentro. Essas amizades precisam de um suporte forte.

 

4. Sobressai na tua carreira.

Não estar numa relação significa não ter a preocupação constante sobre outra pessoa, o que também, significa, ter mais tempo para te focares na tua carreira. Claro que podes sair com os colegas após o trabalho mas, como uma pessoa solteira, põe extra esforço e empenho para ser a melhor. Trabalha muito, independentemente do teu emprego.

 

Resultado de imagem para love being single gif


5. Aparece em locais/eventos sozinha.

Não precisas de ninguém para viajar, ir a um concerto e, muito menos, ir às compras. Estas pequenas e simples aventuras envolvem uma aprendizagem de como fazer as coisas de forma independente. Aprende a gostar da tua própria companhia. Por exemplo, aproveita um café enquanto lês uns capítulos de um livro. Se viajares sozinha fica hospedada num hostel - das melhores maneiras para fazer novos amigos de diferentes países/cidades. És suficientemente forte e capaz para fazer coisas, alcançar e realizar sonhos, sozinha!

 

6. Cria memórias para ti.

Aprecia a tua vida de solteira. Ao gostares de estar solteira, estás a abraçar-te, a aceitar-te, a conhecer-te verdadeiramente. Fazer coisas ridículas, divertidas, erros, fortalecer amizades, são apenas algumas dicas infalíveis para uma vida memorável. E se isto não for suficiente, pensa nas histórias e memórias fantásticas que terás para contar e acarinhar, num futuro, à tua cara-metade.

 

 

Leiam também: Como sair da Zona da Conforto 😉

Se tiverem alguma sugestão para posts, por favor, partilhem!

 

 

Um beijinho, 

Jules Emerson e Anna Williams.

Como ser corporalmente mais positiva

Nos dias que correm, é difícil estar confiante com o nosso corpo e ter, genuinamente, uma imagem corporal positiva. Sabemos que te identificas com isto. Tal como tu, várias pessoas sentem o mesmo. Não estás sozinho/a e não tens de esconder o teu corpo.

Estas 6 dicas vão ajudar-te a introduzir um novo pensamento para que possas ver-te com uma nova luz: Mais positiva e saudável! 🌷

 

 

1. Não compares o teu corpo ao de outra pessoa.

Lembra-te que cada pessoa é diferente. Foca-te em ti, és único/a à tua própria maneira.

Resultado de imagem para admire someone else's beauty without questioning your own

 

2. O teu peso e número de roupa é APENAS um número.

A sociedade vai tentar dizer-te que o tamanho importa, mas deixa-me que te diga, que o importante é que te sintas bem na tua pele. Só depois de aceitares o teu corpo é que vais conseguir apreciá-lo. Portanto, veste o que gostas, o que te faz feliz, o que te deixa confortável. E isto é o que te vai fazer brilhar - a tua confiança.

 

3. Rodeia-te de energias positivas.

O mundo, por vezes, é um lugar negativo. É muito fácil entrar num ciclo vicioso, e acumudar-nos à negatividade. Ao rodeares-te de pessoas e da própria atmosfera otimista e positiva, irás sentir-te mais feliz. Good vibes only.

 

4. Não analises cada milímetro do teu corpo.

É fácil ficar em frente a um espelho de casa-de-banho por horas e observar cada pequeno poro da tua cara. Mas, por quê? Onde isso te vai levar? Caso não consigas evitá-lo, apenas sorri e pensa nas coisas que gostas sobre ti.

Resultado de imagem para analysis every inch of your body

 

5. Pratica desporto para te sentires bem, não só pela aparência.

Quem treina, reconhece que a persistência é a chave. Os resultados, por vezes, não são imediatos. Dependem de inúmeros fatores, entre eles, o teu corpo. Isto pode desmotivar-te (mais) e fazer-te desistir. Mas, em vez, de te concentrares unicamente na forma física, experimenta exercícios que te fazem feliz (e sem grande esforço) como a Zumba ou Pilates. Trabalha com o teu corpo, nunca contra ele.

 

6. Aceita um elogio.

No momento em que a confiança não está presente, até um "obrigado" parece difícil de dizer, quando nos elogiam. Contudo, aceita o elogio e acredita! Saber que outra pessoa vê beleza em ti, nada mais fará do que te encorajar e inspirar a ser positiva contigo! 

 

 

Acaba com a negatividade em apenas 7 passos!
Esperemos que tenham gostado. Obrigado por lerem.

✌️

 

 

Um beijinho, 

Jules Emerson e Anna Williams.

6 Hábitos Diários para Melhorar a tua Vida

Algumas pessoas têm uma noção desacertada sobre o melhoria da própria vida. Acham que requer imensas horas de trabalho árduo. Ora, esse é um pensamento errado. Requer, no entanto, motivação. Melhorar a nossa vida não necessita, na maior parte das vezes, de grandes mudanças, mas sim da adoção de pequenos hábitos, considerados, regularmente, insignificantes.

Considera estas 6 dicas simples, um "empurrão" a uma vida mais positiva, equilibrada e feliz:

 

1. Tem sempre uma garrafa de água contigo.

Beber água durante o dia é, como todos sabemos, importante. Estar hidratado leva-nos a uma melhor digestão, uma pele saudável, controla o peso, previne a celulite, entre muitos outros benefícios. 

 

2. Cria uma lista.

Antes de aterrares na almofada ou no comboio de regresso a casa. Perde uns minutos e visualiza o dia seguinte. Responde, para ti mesmo, à seguinte questão: "O que é que eu preciso de fazer para sentir a produtividade?" Em vez de escrever tudo o que te vem à cabeça, limita a lista a 6 ações possíveis e que conseguirás completar. Isto vai ajudar-te a organizar a vida e todas as tarefas que pretendes fazer diariamente.

 

3. Comunica com um membro de família/amigo próximo.

Uma vez por dia, 5 minutos de conversa. É suficiente. Falar com quem desenvolvemos laços afetivos melhora sempre o nosso humor. Num mundo cheio de ódio, medo e pressão, comunicar com pessoas que gostamos, pode e deve relembrar-te do que realmente importa na vida - dar e receber amor.

 

4. Perde 10 minutos a ler e/ou escrever.

Se conseguires os dois, ainda melhor! Revista, jornal, livro... Diário, exercício criativo, história da tua vida... O que importa aqui não é o que escreves, mas sim o ato de escrever alguma coisa, passar os pensamentos para o papel. Mesmo que apenas escrevas "eu não quero escrever" 100 vezes, estás a libertar o stress e limpar a tua mente! (Fazer a lista do 2. não conta.).

 

5. Sorri.

Sei que por vezes é complicado, mas lembra-te: Sorrir, pode tirar-te da tempestade. Estudos já revelaram que sorrir é um habito saudável. Para além de ser contagioso, ainda reduz o stress e ansiedade. 

 

6. Pratica 30 minutos de exercício físico.

Calma! Não necessita de ser aquela rotinas meio loucas. O relevante é mexer o teu corpo, deixar o sangue fluir... Experimenta vários exercícios e descobre o que gostas de fazer, seja abdominais, agachamentos, corrida, alongamentos, caminhadas. Atividade física, seja ela intensa ou não, ajuda a estimular a mente e, de certa forma, por experiência própria, revitalizar a alma.

 

 

 Adotem estes pequenos hábitos e não se esqueçam de serem felizes!

Esperemos que tenham gostado. Obrigado pelo apoio ✌️

 

 

Um beijinho, 

Jules Emerson e Anna Williams.

7 passos para acabar com a negatividade

A vida, infelizmente, está cheia de negatividade. A competição no trabalho/estudos, dramas entre amigos e, essencialmente, a falta de comunicação no dia-a-dia leva-nos ao stress e ansiedade constante. A negatividade influencia a tua vida, magoa e irá continuar a magoar, a não ser que mudes. Tu não tens de estar sempre num lugar escuro.

Uma limpeza pode ser feita em qualquer quantidade de tempo: um dia, um semana, um mês, um ano, o resto da tua vida. Cabe a ti estar disposto a aceitar a mudança. Extraíres a negatividade, levar-te-à a uma melhor qualidade de vida com resultados positivos para o alivio do stress, principalmente.

Mas atenção, antes de desvalorizares este post, pensa que a primeira mudança passa por TU quereres.

Como acabar com a negatividade em prol de uma vida feliz, em apenas 7 passos: 

 

1. Respira.

Em alturas de muitos acontecimentos negativos, esqueçemo-nos de respirar. Portanto, quando te sentires particularmente angustiado, pratica o exercício abaixo. Muito. Lentamente. Por quê? O teu coração vai desacelerar, a mente vai acompanhar, libertando-te da ansiedade.

 

 

2. Elimina o desnecessário.

Esta serve não só para a tua vida social, mas também com a casa. E sim, a casa. Apagar e-mails antigos, papéis, cartas, bilhetes do autocarro... Não se imagina o lixo que se junta. Cria mais espaço para respirares. Com um espaço mais organizado e que seja do teu agrado, vais conseguir lutar contra as energias negativas com mais facilidade. 

 

3. Coloca o telemóvel de parte.

Parte da negatividade vem desse pequeno objeto que tens sempre no teu bolso. É difícil de admitir, mas quando te "ligas ao mundo", acabas por sentir ciúmes desnecessários sobre outras pessoas (que provavelmente nem conheces) no instagram ou até mesmo visualmente agredido com muita informação no twitter. Não és o/a único/a a sentir-te assim. EU também já senti.

Coloca o telemóvel de parte durante umas horas e foca-te noutras coisas. Não é preciso apagar todas as aplicações que te influenciam negativamente, basta, como já referi, controlar essa influência.

 

4. Dá um passeio.

Por vezes, a melhor solução, é sair e respirar ar fresco. Se estás a ter um dia menos bom no trabalho, faz uma pausa, vem cá fora durante uns minutos e dá um curto passeio para limpar a tua cabeça. Porém, se tens tempo livre (seja qual for o motivo), anda de bicicleta, dá uma caminhada, vai à praia... Ou junta tudo isto! Sair coloca a vida em perspetiva e dar-te-à uma saudável dose de Vitamina D. 

 

 

5. Toma um banho.

Uma das melhores maneiras para limpar o teu corpo e mente. Toma um longo banho com a tua espuma favorita ou óleo. Um banho de imersão em água quente ajuda a libertar a tensão do teu corpo. Tenta não pensar em nada durante este momento. Se preferires, adiciona uma música que consideres relaxante.

 

6. Medita.

Meditar vem de várias formas. Podes meditar na forma mais tradicional, que é, nem mais nem menos, yoga ou simplesmente passando tempo de qualidade sozinho. O objetivo aqui é limpar a tua mente e livrar-te dos pensamentos negativos.

 

7. Lê um livro.

Para mim, ler transporta-me para outro lugar. Sei que não sou a única, portanto, neste último passo, escolhe um livro que sabes que irá fazer-te feliz. Seja um livro de auto-ajuda, um livro de verão, ou uma biografia inspiradora, escolhe a tua escapadela da negatividade. Deixa a tua mente desenvolver e afastar-se do stress.

 

 

 

Estas foram as nossas dicas. Esperemos que vos ajude na vossa vida futura! 😉 

Não se esqueçam de serem felizes e... Positivos!

Deixem a vossa opinião sobre os últimos posts ✌️

 

 

Um beijinho, 

Jules Emerson e Anna Williams.

Como sair da Zona de Conforto

Sabias que rotina diária pode parar o progresso da tua vida?

Fazer as mesmas coisas repetidamente ou escolher sempre aquele caminho por saberes que é fácil ou seguro para ti, irá definir um patamar. A única maneira de sentires o movimento e a vida, por assim dizer, é libertares-te dos teus hábitos diários e sair da chamada "zona de conforto". Desafia-te a fazer coisas novas e diferentes e um mundo de novas experiências, novas pessoas, novas memórias, novas maneiras de ver a vida irá abrir-se para ti.

 

1. Confia em ti.

Ninguém te conhece tão bem como tu te conheces. Confiar no teu instinto é fulcral para os primeiros passos. Faz apenas coisas que te desafiem e não que te assustem na totalidade. Marca objetivos diários que saibas ser capaz alcançar, mesmo que requererá algum trabalho da tua parte.

 

2. Faz pequenas e fáceis mudanças na tua rotina diária.

Começa com coisas simples, mas que faça alterar o teu dia. Muda o trajeto para o trabalho/escola; Estaciona num lugar diferente quando vais ao supermercado; Vai ao ginásio de manhã em vez de à noite. Enfim, começa por alterar o que comes, onde vais, como vais. Estas pequenas mudanças irão estimular a tua mente, é super benéfico.

 

 

3. Vai a um sítio totalmente novo.

Não frequentes sempre os mesmos locais de almoço, saídas com amigos, ou destinos de férias. Faz uma breve pesquisa e escolhe um sítio que nunca foste. Verás que é ainda mais excitante ir a um local que não tens de certeza que gostarás. Mas afinal, como poderás afirmar que não gostas, se nunca foste?

 

4. Aparece em locais/eventos sozinha.

Claro que é melhor ir com os amigos ao cinema ou a concertos, mas experimenta ir sozinha, pelo menos, uma vez! Nada te faz sair mais da tua zona de conforto do que estar "sozinha" na multidão, pois sem os companheiros que nos fazem sentir confortáveis, terás de lutar pela tua confiança e depender unicamente de ti.

 

5. Apresenta-te a estranhos.

Muitas pessoas detestam falar com estranhos - um ato que somos ensinados a evitar desde crianças. No entanto, os estranhos não passam de amigos que ainda não conhecemos. Quando estás numa situação social com pessoas que não conheces, aproxima-te, sorri diz "olá" e fá-los sentir confortáveis. Cria novas relações, até por que... Quem sabe se as pessoas não esperam que digas algo?

 

 

6. Retoma o hobby que estás sempre a adiar.

Todos nós temos uma atividade de tempo livre que sempre quisemos continuar, mas desistimos por variadas razões. Portanto, chega de desculpas! Inscreve-te no ginásio local, frequenta aulas de artes marciais ou fotografia... Fazer o que se gosta melhora a nossa disposição, alivia o stress!

 

 

 Útil? Esperemos que sim. 

Lembra-te sempre: A vida começa no momento que sais da TUA monótona zona de conforto.

Não te esqueças de deixar a tua opinião sobre os últimos posts ✌️

 
 

Um beijinho,

Jules Emerson e Anna Williams.

“So keep your head high, keep your chin up, and most importantly, keep smiling, because life's a beautiful thing and there's so much to smile about.” - Marilyn Monroe

Mais sobre nós

♥ Desde 02/04/2012 ♥

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D